Páginas

Denilson já!

Luxemburgo, na coletiva do jogo contra o Mirassol, disse que o time precisava de mais um Valdívia em campo. Um driblador que tenha bastante habilidade como o "El Mago". A diretoria palmeirense, juntamente com a Traffic, ofereceu cerca de R$ 10 milhões ao atacante do Atlético Mineiro, Éder Luis. A diretoria do Atlético Mg pediu cerca de R$ 12 milhões mas só por metade dos direitos federativos do jogador. Então uma opção melhor e, quem sabe, mais barata seria a de contratar Denilson.

Imagine carcamanos, o show que seria ter o Valdívia e Denilson no mesmo time?! E quer oportunidade melhor de contratá-lo do que agora?!



Denilson é jogador de seleção e tem experiência. Está desvalorizado no Velho Mundo, e o melhor: quer jogar no Palmeiras! O fato decisivo desta opção foi a de que o Palmeiras recuperou a forma física do craque. Não é só os bambis que sabem fazer isso! Aliás, ouso dizer que, se o Palmeiras contratar o Denilson, nós teremos um jogador do futebol europeu melhor do que o deles. Fora que seria um grande marketing para o clube e daria o que falar para a imprensa e imprensinha. O Denilson só tem o que acrescentar ao Palmeiras! Então o que está esperando diretoria? Desiste do Éder Luis... Denilson já!

ô patrocínio que deu pano pra manga

Cadê a manga na camisa? Assim começa os Hardys platônicos nos fóruns de discussões afora e tão bem caracterizado pelo Flávio Canuto do MP.

Um dos planos da diretoria se concretizou nas última semanas, achamos um belo ($) patrocínio com a Suvinil para a tão famigeradas mangas na camisa. Aliás, diga-se de passagem o maior patrocínio na manga do Brasil e, em alguns casos, maior que alguns patrocínios de clubes tradicionais e "grandes".
O mando sagrado enfrenta duas dificuldades para um patrocínio com a marca Suvinil: o colorido do logotipo e a exclusividade da parte superior da manga à Adidas.

Um colorido numa camisa verde não é lá bem visto pelos olhos em geral, diferente da camisa branca, onde a Parmalat estampou o colorido Santal Active e ninguém chiou! A camisa tradicional verde pede uma cor branca e quiçá um vermelho, mas quando se mistura um colorido com ela, vixe Santa Maria mãe de Deus (minha mãe gostaria de ler, enfim, uma citação divina em minha vida). Não vou entrar no mérito da estética, pois, como diz o ditado "gosto é igual cu, cada um tem o seu".

Mas depois um rebuliço da torcida palmeirense, eis que a Suvinil mudou o modelo e passará a estampar um que circulou pela internet (veja logo abaixo). Sempre acreditei na força da massa, aliás, ainda tenho esperança que ela faça muito mais por esse país.
Mas, até onde vai a necessidade capitalista do interesse geral da nação. Muitos exemplos já foram esfregados em nossas caras de que o que é bom pro capital, não, nessessariamente é bom pra nós. Até que ponto a Suvinil atendeu nossas brandos estéticos e mudou radicalmente a camisa em questão poucos dias. Se eu não em engano li em algum lugar (me desculpe a afirmação vaga, mas não achei o lugar) que era algo provisório e que seria estampando no mais porco transfer da galeria do Rock. Pois, a Adidas tinha definido o cronograma para os novos uniformes 2008 e não daria para confeccionar o logo da Suvinil.


1 - Conforme informou a adidas, fornecedora do material esportivo palmeirense, de janeiro de 2008 à primeira quinzena de fevereiro do ano que vem serão comercializadas camisas sem nenhuma logomarca. O motivo é que a produção destas já está em fase final e, por isso, não permitir alterações.

2 - O número aproximado de camisas sem o logotipo de nenhum patrocinador que ficará disponível em todo o mercado será de 30 mil.

3 - Da segunda quinzena de fevereiro de 2008 à primeira quinzena de maio do ano que vem serão comercializadas apenas camisas do modelo atual com a marca Fiat.

4 - Na segunda quinzena de maio de 2008, está previsto o lançamento da nova coleção Palmeiras/ Adidas - 2008.

5 - Comunicamos aos nossos clientes que disponibilizaremos a aplicação da logomarca Fiat nas camisas que forem produzidas sem o tipo da nova patrocinadora do Verdão.

6 - Orientamos nossos clientes para que mantenham atualizados seus cadastros a fim de continuarem a ser informados sobre todos os produtos disponíveis.

Fonte: Ponto Verde


Enfim, até que ponto a Suvinil fez de propósito eu não sei - já li em um fórum que isso foi confirmado por duas fontes, uam da Basf e outra de um conselheiro do Palmeiras - mas que foi uma jogada linda de marketing da Suvinil, ah isso foi!

Portanto, ESSE POBRE PALMEIRENSE aposta que a Suvinil foi simpática em atender ao torcedor com um requinte de mestre na circulação do seu nome colorido.




Segue algumas perguntas que fazem sentido a toda a baboseira escrita acima.

1- De onde saiu esse modelo que já circula por aí a um bom tempo?
2- Como é possível ele ficar pronto tão rápido? Já para o jogo de sábado?
3- Por que o modelo com o logo colorido não chegou as lojas?
by Gabriel

Palmeirense quando é bonzinho é ótimo, mas quando é mal consegue ser melhor ainda!

Áquela que matou o guarda

É um fato consumado que os prazeres da vida terrena seduz aos mais ingênuos homo sapiens. Nada contra as vontades libidinosas de cada um, quem sou eu para julgar, afina também sou um pecador que só está no deleite do meu cantinho reservado para os bons filhos do todo poderoso.
A linha que separa a vida particular de gente exposta na mídia com suas atividades particulares é mais fina que um fio de cabelo de uma morena estonteante. Todos nós somos chegados numa fofoquinha alheia, numa novidade particular que desça do altar da moral, o bom mocinho.
André Kfouri traz a tona um texto no qual ele retrata a apresentação para exames médicos de um jogador, de um certo time grande (ele não revela ambos) em pleno bater de pernas que o álcool acarreta em nós, pobres terrenos.


"E não é que o cara estava bêbado de trançar as pernas, sem conseguir andar. Exalava aquele cheiro inconfundível, mas sabia exatamente o que estava acontecendo e conversava sem enrolar a língua Mas estava, digamos, desinibido."


André (me permita puxar pelo particular) diz que não quem estamos pensando, juro que pensei em uns 5 jogadores, todos com uma fama, como podemos dizer, bem peculiar. Afinal, não são muitas as opções de jogadores que eu vejo falando "Olha, doutor, se der alguma alteração aí, é porque cheguei da balada. Fui dormir às seis da manhã". "Pelo menos ele não chegou atrasado".


"Os médicos presentes não ficaram surpresos. Acostumados a lidar com atletas, especialmente jogadores de futebol, já tinham visto cenas parecidas muitas vezes."


Esse fulano enigmático não foi o primeiro e nem será o último. Sinceramente, acho que cada um faz o que quer da vida, nada contra o texto do André, o qual respeito muito mais do que seu homônimo mais velho, desde que chegue e faça seu trabalho bem feito. Podem espernear dizendo que jogador de futebol é um atleta e que tem que valorizar o copo e blábláblá, mas como eu disse acima existe um limiar e todos, jogadores ou não tem que ter uma noção dele, para que não caia na "imaturidade" digna de uma criança de 12 anos (será) como dito no texto.


"Um deles queria saber que tipo de bebida deveria comprar para o evento. A resposta foi claríssima, para não gerar confusões: "só uísque e vodca, não quero cerveja."


Como eu lamento não dispor de tais recursos financeiros para saborear umas bebidas desse naipe. No máximo que eu consigo são umas meras Itaipavas.


"Quem freqüenta este blog sabe que eu tenho uma visão muito particular sobre a vida pessoal de atletas. Para mim, quando estão de folga, estão de folga. Assim como eu, você, gente normal."


O meu respeito com o André deve-se por denotações bem claras e IMPARCIAIS, com as quais eu me despeço deste post.


Clique aqui e leia na íntegra a reportagem

Comentarista de melhores momentos

Estou parafraseando meu caro amigo Raul (MP) para dizer que não vi e nem ouvi o jogo, malemá, os últimos 3 minutos antes do penalty em cima do Valdivia - muito bem convertido pelo Alex Mineiro diga-se de passagem - em diante.

Estava (e ainda estou) de mudança nesse fim de semana que passou. Agora irei levar a palavra Carcamana à Mooca (sem acento, pois, nenhuma das regras de nosso sistema ortográfico justifica esse acento tão comum, que se vê por aí, no segundo "o") com toda a pompa que nosso blog merece. Mas acho difícil, um bairro que ostenta ser o mais italiano de toda São Paulo, que conta com um clube com nome e cores italianas (Juventus) precisar de tais premissas.
Mas, o pouquinho que der, estarei lá promovendo as palavras da religião chamada Sociedade Esportiva Palmeiras.

No meio da bagunça que se estende em toda mudança que se preze, foi árduo achar um mísero radinho para ouvir meu glorioso Verdão. Aliás, como é um saco achar as coisas em mudança. Quando se acha algo, se perde de vista, quando se procura não se acha, quando se acha novamente não se precisa mais. E foi assim, que sem querer achei, depois de montar um guarda-roupa, carregar caixas e sacolas, montar camas, etc. achei um bendito rádio. No qual veio a tona uma AM sei lá qual, mas que foi a primeira que achei.

Por conta desse horário "FPF/Globo" vou ver se ao menos ouvirei a partida contra o Ituano

Quanto ao jogo, não comentarei, pois não vou analisar os melhores momentos nem os últimos minutos da peleja. Vai aqui um adendo (by Mondo Palmeiras) que notei em todos os comentários pós-jogo e que se arrasta desde o fim de 2007:
Martinez, Leandro, William e Luis Henrique que tal jogar um pouco de bola, hein! (sem cornetagem, eu juro!)

E o time do Jardim Leonor!? Como é bom provar do próprio veneno, né!? Ah como eu torci pra aquela merda de time da Marginal Sem Número fazer pelos menos um golzinho. Mas vai ser ruim na puta que o pariu.
Depois do CeniDeus (fazer aqui uma alusão a semideus), o monstro da imprensa pegar borboleta no primeiro tempo depois de um cruzamento da esquerda o cone do Finazzi me perde um gol de cabeça que até o Enilton faria (será?). E não pára por aí, e não é que a figura divina aqui na Terra não me falha bisonhamente num lance isolado, no qual o badalado Lulinha perde um gol sem goleiro e sem marcação? Meu filho, domina e chuta!

O bom é que agora se conta 3 jogos que os Bambis não ganham dos imundos.

Seria início de um jejum carimbado pela dupla Zelão e Betão?

Inocentes até que ponto?

Uma coisa é fato: juízes de futebol são humanos.

Sendo humanos, eles são passíveis de erros normais que qualquer SER HUMANO comete. Até mesmo àqueles que caem na dúvida sobre o caráter de qualquer HOMEM, como a ganância, ira, desprezo e INTERESSES PRÓPRIOS.
Portanto, eles não têm uma figura imaculada de uma santidade, mesmo por que, até mesmo as santidades têm suas necessidades fisiológicas, carnais, e por quê não de tomar aquela cervejinha entre amigos.

Se algum dia numa transmissão de futebol um cidadão, que sente uma necessidade "terrena" de ostentar sua cara pálida acima da sua, vier lhe falar que o juiz é passível de erro por se tratar de uma figurinha com vida, com problemas bancários, amorosos e por quê não fisiológicos iguais a sua, responda que ele também pode ter má vontade. Assim como você, em ouvir tamanha besteira desse engomadinho.

Por que do texto?

Bem... veja no vídeo a tamanha boa vontade do ex-homem de preto, para com o time do Engenheiro Beltrão. É no mínimo revoltante e causa aquela sensação de um tal Palmeiras e São Paulo - Libertadores 2005 e Brasileirão 2007, Palmeiras e Cruzeiro - Brasileirão 2007, Lusa e Corinthians - Paulistão 1998...




Ps.:

Pela falta de tempo, não pude comentar sobre o jogo contra o Marília, e não vai ser agora que o farei. Primeiro pelo tempo decorrido após a partida, segundo que tem trocentos sites que já faz e o fizeram.
Mas nada me impede, afinal, sou o dono dessa birosca aqui, de dar uns pitacos sobre a peleja.

Elder Granja: afinal um lateral direito. (Não esqueçam do Wendel cão de guarda)
Diego: o que fazer com o Dunga mãos atadas e suas convocações?
Pierre: idem ao item acima.
Time: está com cara de time.
Zaga: não se entra na área (notei nos dois últimos jogos) então se arremata de fora da área - pra isso temo o Diego.

Quanto ao outro lado do muro: se não ganharam da nossa filial em Itu imagina de nós?



Ps mor: Não esqueçam das perguntas para a entrevista com o Gustavo Xerifão. Vai só ate hoje (25/01).

Sexta é o último dia

Galera como tudo que é bom dura pouco.

Fica até sexta, o último dia, para mandar as perguntas para o zagueirão Gustavo da Sociedade Esportiva Palmeiras.


A entrevista será mandada nesse fim de semana, então Carcamanos, não perca tempo e mande sua pergunta agora.

Logo abaixo no link de comentários entre e mande sua question.


Abraço a todos

Presente de Natal

Não sou o Palaia mas nada me impede de dar um presentão de Natal atrasado ou adiantado para os palmeirenses.

É com grande prazer que ofereço a imensa torcida do Palmeiras, aos leitores desse blog e dos sites da mídia palestrina, e principalmente aos membros da Comunidade do Palmeiras no Orkut uma entrevista exclusiva com o Gustavo Xerifão.

Mas entrevistar, qualquer um da mídia gambá pode fazer, mas aqui no Carcamanos, você leitor, fará as perguntas. Selecionaremos por volta de 20 a 25 questões que entregaremos ao Gustavo por e-mail.
Ele educadamente irá responder e nos retornar, e assim que possível, é claro, estará postado aqui a entrevista para o deleite de todos.

Então, não perca tempo. Vá nos comentários e deixe sua pergunta com o nome completo que ela pode ser selecionada.

Antes de terminar gostaria de agradecer a Dani Malacrida (em especial a todos do Mondo Palmeiras) e ao Gustavo Xerifão em nome da imensa torcida do Palmeiras pela entrevista.
Espero que aproximações como esta possam acontecer, nesse ou em qualquer outro site da mídia Palmeirense, pois elas só vêm a acrescentar nos laços entre jogadores e torcida.


Godoi, um exemplo de "comentarista" da Imprensinha

Por volta de 12h bate aquela fome aliada à vontade de assistir um programa de esporte. Você olha pro relógio e pensa "Ah, o Globo Esporte vai demorar", e sem contar também que é bem ruinzinho. Então, você faz o quê?! Coloca no Jogo Aberto e, numa certa medida, se surpeende.

Hoje em dia o Jogo Aberto vem com uma qualidade que excede, na minha opinião, a maioria dos programas futebolísticos. O programa aparece com várias novidades dos times e o debate têm uma certa de coerência. Calma cornetas! Eu disse "uma certa coerência".

O programa tem o comentarista corinthiano mais palmeirense do mundo! E não é este o problema da "certa coerência" citada acima. O Neto é o que mais defende o Palmeiras no programa. O problema da coerência tem outro nome. O nome do FANFARRÃO é Oscar Roberto Godoi. Programa sim, programa não, este "comentarista" me solta uma peróla, e na maioria das vezes é sobre o Palmeiras! A última, pelo menos até eu ter postado este texto, foi a seguinte: "O Valdívia não é nada demais, é um jogador comum. Ele só sabe se jogar. E não existe esta história de perseguição. Jogadores estrangeiros como Gamarra (detalhe, ele é zagueiro) e o Petkovic nunca sofrem perseguição dos juízes."

Agora, porque ele não citou o Carlito Fezes, que no ano de 2005, os comentaristas falavam que ele era perseguido pela arbitragem??? Porque ele não falou do prêmio que o Valdívia recebeu como melhor meia esquerda do Campeonato Brasileiro??? Simples. Porque o Godoi não é comentarista e sim ex-juiz. E olhe lá! O Luxemburgo que o diga, não é mesmo Luxa?!




Luxa azeda o Leite

Na tarde da última sexta-feira, maldito 30 minutos que sai da frente do pc, o pau comeu solto entre o intragável Milton Leite e o engomado Luxemburgo. Pouparei esforços para digitar algo que não precisa de texto. Apenas acessem os três vídeos da discussão.

Declaração do Milton Leite



Resposta do Luxa




Finalizando o combate



h

Depois reclamam da credibilidade

A Santa nossa de cada dia rechaça em tentar ser o maior conteúdo esportivo da internet. Uma pena! Pois, ainda está longe de ter algo muito mais importante em números, contagem de cliques e abrangência esportiva: a maldita qualidade.

Para um grupo que ter tal alcance um erro desses é, no mínimo, inaceitável. Haja vista, que o grupo Global não é p2p (clique aqui e saiba mais sobre p2p) tem toda uma hierarquia interna.

Suvenil exige logo colorido na camisa

Plantão | Publicada em 19/01/2008 às 22h24m
Lancepress


A diretoria da Suvinil exigiu em contrato que o logo da empresa, estampado na manga da camisa do Palmeiras, tivesse as cores amarelo, laranja e vermelho junto com a marca [...]
Para colocar o logo colorido, a Suvinil fechou o melhor contrato de patrocínio do Brasil para a manga: R$ 3,6 milhões até maio de 2009. A Fast Shop, por exemplo, paga R$ 1,6 milhão por ano ao rival São Paulo. [...]

Clique aqui e veja a cagada no portal O Globo

Caso tenham arrumado a sujeira toda, clique na imagem:


Tá, eles podem alegarque a culpa é do lance que mandou o link errado e tal, mas ninguém conferiu antes de postar a notícia? Mas como vocês podem ver no próprio site do jornal ela está certinha certinha.


Suvinil exige logo colorido na camisa

Segue o maldito link:
href="http://www.lancenet.com.br/noticias/08-01-19/223550.stm


Ah, o amadorismo! Parecem um bando de JUVENIL (agora sim com "VE")



Ps.: Pena que lá se foi mais um estagiário pra rua.

Não tem santo que aguente...

tanta falta de futebol no segundo tempo.

Quero esquecer esse jogo de domingo, primeiro porque era meu aniversário e merecia um presente muuuuuuuuuuuuuuuito melhor, segundo porque não quero me estender na cornetagem (não é do meu feitio).

O Palmeiras começou o primeiro tempo, mais precisamente até os 25 primeiros minutos, dando um calor no Santos e mandando no jogo. Até pensei que meu bolão do Parmerista (3x0) iria dar certo (doce sonho). Dos 25 em diante o time da baixada equilibrou a partida e foi embora pro intervalo melhor. Na volta para o segundo tempo, quando eu esperava uma sacudida do Luxa no time, pareceu que a bronca ecoou no vestiário errado.

Até os 25 do segundo tempo o Santos deu o troco no calor do primeiro tempo e só não tirou o zero do placar porque Pierre, Dininho e Gustavo não deixaram.

Dos 25 em diante o que se viu foi um show de horror, ninguém conseguia dar mais de 4 passes certos consecutivos. Parecia que os dois times estavam satisfeito com o resultado.

E a torcida que se exploda.

Mas valeu como experiências para o Luxa.

--------------------------------------------------------------------------

Não entrarei a fundo no mérito das últimas contratações, até porque, já passou do tempo, mas de qualquer forma acho uma ótima iniciativa do Palmeiras em apostar em jogadores com futuro, mesmo que a imprensinha taxem de problemáticos e o escambal todo.

"Vanderlei presta atenção, a Mancha Verde não aceita traição"


Todos devem ter visto este canto da Torcida Organizada Mancha Verde, no jogo contra o Sertãozinho. Mas, porque este recado foi mandado no 1º jogo?

Segue a explicação por parte da Mancha Verde.
"Sobre o recado de ontem....foi apenas um recado....Somos apaixonados pelo Palmeiras, só que não somos bobos. Todos aqui sabem das qualidades e dos defeitos do Wandeley Luxemburgo. Enfim o recado foi dado! Ninguem criticou o Luxa pois se ele voltou hoje ao Palmeiras deve-se e muito a postura da Mancha em nao aceitar Caio Jr ou Dorvival Jr. "

Agora, o recado foi dado? O que seria este recado?
Se refere ao ano de 2002 em que o Luxemburgo saiu do Palmeiras e no final do ano, fomos rebaixados. Mustafá alegou que foi culpa do Luxa. Luxa afirma que a diretoria estava contra as idéias dele, por isso ele saiu. Parece que a MV acreditou na versão de Mustafá (não estou afirmando que a Mancha concordava com o trabalho da diretoria anterior, até porque ela não foi poupada das críticas).

Mas será que o recado precisava ser dado mesmo?
Na minha opinião, não. A diretoria contratou o melhor técnico em atividade no Brasil! Luxemburgo é o nome que nos deu vários títulos ao Palmeiras. É também o nome que esteve envolvido no ano do rebaixamento, verdade. Mas não o responsável. Se por um acaso, o Santos for rebaixado neste ano no Campeonato Brasileiro, será culpa do Vanderlei?! Ou será culpa da diretoria que deixou escapar os grande nomes da equipe e , até então, não trouxe nenhum reforço de peso? Pensem nesta comparação...

Acho que a Mancha Verde só perceberá que o Palmeiras está no caminho certo quando o 1º título do ano vier. Aff! Será que até lá presenciaremos mais gritos de oposição contra o Luxemburgo?

Bom começo

Antes de qualquer coisa, vou deixar claro que não pude ouvir, ver, sentir ou qualquer coisa do jogo (puta raiva!). Mas no melhor estilo comentarista de melhores momentos vou dar meus pitacos, ajudado, é claro, com os textos do Mondo Palmeiras, Observatório Verde, Parmerista (calma, Conrado, calma!), Comunidade do Palmeiras, PTD, etc, etc, etc.

Como você deve ter notado não citei nenhuma fonte da imprensinha, e não vale a pena citar, pois já sei o assunto de 2ª e bambástico que eles irão comentar, como que eu posso dizer... com mais ênfase.
Parece, que o Verdão teve um primeiro tempo morno, como pelo menos duas chances de abrir o placar, uma num cruzamento da direita (isso mesmo, da direita.) e outra numa jogada individual do Alex Mineiro. Do lado adversário, o Diego apenas assistiu o jogo. Na volta do intervalo, como é de praxe com o Madureira (copiei do Raul - MP) ele mudou o espírito do time, que veio com mais gás e disposição. Os gols saíram em dois cruzamentos das laterais (meu Deus, nem acreditei quando vi, mas é isso mesmo das duas laterais) que encontraram a cabeça do bem posicionado camisa 9, que no segundo tempo perdeu um gol cara-a-cara com o goleiro. O Palmeiras liquidou a fatura com um rápido contra-ataque (quem diria!) pela esquerda, onde Leandro (quem diria! [2]) deu um passe açucarado para o William (quem diria! [3]) fazer o 3º. O Sertãozinho conseguiu diminuir numa falta lateral que a zaga falhou em deixar o cidadão dos touros dos canaviais cabecear sozinho. aliás diga-se de passagem, de maneira fulminante.

Pelo que me falaram, o time se portou bem em campo, com exceção de umas falhas da zaga, a que acredito ser por conta do começo de temporada, ou vocês acham que os times do Jardim Leonor e da Marginal Sem Número deram shows? Aliás, aproveitando o gancho, já começou o apito amigo? Do lado rosa uma falta inexistente que o narrador do sportv ainda teve coragem de falar, "a falta foi inexistente, mais essa é a especialidade do Aloísio q cansou de cavar faltas assim o ano passado e o Rogerio vinha e convertia". Hum.. e quem é foi taxado de cai cai?
E no Morumbi... bem deixa pra lá.

Foi uma excelente estréia. E fica a torcida pra uma partida assaz aprazível no domingo contra o Santos, jogo importante, por se tratar de um clássico (na 2ª rodada, que idéia de idiota) e das divergências entre as duas equipes no último ano: Kléber, Pedrinho, Luxa, Leão, Filé, Marcinho...

Ps.: achei inoportuno o recado que a Mancha emitiu no jogo e logo postado na sua comunidade do Orkut o real significado. Sempre fui daqueles que acha que se está incomodando vá até a pessoa e converse como gente civilizada. Tanto a Mancha quanto os palmeirenses em geral tinha uma necessidade de esclarecimento quanto o caso Luxemburgo-Palmeiras 2002. Para os que ainda não conhece o que o técnico falou a respeito leia aqui o texto do Kleine.

Estamos aqui para melhor servi-lo

Assim deveria ser o slogan da mídia palestrina. É descomunal o abismo entre a qualidade da "Imprensinha" que nos cercam com seus pontocom e pontobêerrê e a nossa mídia pontoblogspot e pontonet.

Ah! a qualidade... o Santo Graal de um leitor assíduo e crítico.

Quer um exemplo de como inflar sua massa cinzenta das nossas peripécias? Clique, no link abaixo e ouça a excelente entrevista do mestre Belluzzo ao Mondo Palmeiras*.



*Isso aqui cada dia que passa está virando uma extensão do MP.

Nova edição da Rádio Mondo Palmeiras no ar

É com grande orgulho que lhes apresento a edição de nº 63 (como que esse troço vai tão longe, hein!? Clique no banner abaixo e descubra!) da Rádio Mondo Palmeiras. Nessa nova empreitada não há convidado, a não ser um mais espaço para o nosso amigo Palocci. Nem a fabulosa Dani deu o ar da graça no programa. Meu Deus! (já diria Avalone).

Pelo menos, o site se redimirá trazendo durante a semana uma entrevista bombástica com o Diretor de planejamento do Verdão, Belluzzo.

É aguardar pra ver.

No mais, que tange esse texto, só tenho mais um adendo: Calma Conrado, calma!


6 por meia dúzia?


Diego Souza por Caio???? Diego Souza por Caio!!!!

É carcamanos... fomos pegos de surpresa e que surpresa! Esquecem as táticas que vocês "treinadores-torcedores" faziam. Caio e Diego Souza juntos no meio?! Caio com 3 volantes?! Diego Souza com três volantes e Caio no banco?!
Nãoooooo. A diretoria resolveu isso.

Caio foi pra Alemanha e Diego veio pro Palestra. As notícias de que o Verdão comprou metade dos direitos do Caio e da que ele seria titular no 1º jogo do Paulistão não foram suficientes para segurá-lo aqui no Brasil. Uma bagatela de 10 milhões de reais, aproximadamente, levaram o meia pra longe. EEEEEE antes de aparecer uma teoria que o Palmeiras comprou o Diego Souza pelo valor da venda do Caio, lembremos que o Palmeiras receberá 5 milhões e o Barueri(clube que tinha metade do passe do jogador) os outro 5 milhões.

Mas será que ida de Caio fará falta ao Palmeiras?
Caio vinha numa evolução muito grande no ano de 2007. No 1º semestre foi rotulado como "baladeiro", "o que chegava atrasado nos treinos", "o firulinha" (by Mondo Palmeiras). Mas já no 2º semestre a história mudou. O "torpedo verde" (by Mondo Palmeiras [2]) conseguiu mostrar seu futebol e evoluindo, ajudou o Palmeiras na 2ª rodada do Brasileirão com passes, cruzamentos e gols decisivos.

Diego Souza chega pra ocupar o lugar do Caio?
A príncipio sim. Assim como o Caio seria (ousadia aqui? imagina!), o Diego Souza tem grandes chances de ser um realmente "craque" nas mãos do Luxa.

Então, segundo o ditado, será que o Palmeiras trocou 6 por meia dúzia?
Hum, não chega ao caso. Diego Souza foi mais importante por Grêmio do que o Caio foi para o Palmeiras, até porque também o Diego Souza não tinha um companheiro como o "EL MAGO". Diego Souza leva uma pequena vantagem em relação ao Caio.

Então o Palmeiras trocou 6 por sete.
Ahhhhh já ia me esquecendo, o treinador do Caio foi o Caio Jr. O do Diego Souza em 2008 será o Luxemburgo. Diego Souza leva uma pequena vantagem em relação ao Caio. [2]

Então o Palmeiras trocou 6 por oito!
Agora esse "oito" fictício pode oscilar ou mudar (esperamos que para melhor), já que "a vida é uma caixinha de surpresa."
(ver o Post: Teste de DNA)


Ps: Joseph Climber é popular neste blog hein?! Referência ao post 1.

Teste de DNA

A novela que se estendeu durante mais de uma semana ganharia e fácil um espaço no extinto Programa do Ratinho.

A cena se passaria numa sala de espera do hospital onde de um lado o pai, doutor em direito, rico elegante, pomposo que criou o pequerrucho desde pequeno, e do outro o bêbado, ignorado, que entrou em desgosto por todos da platéia e que quer apenas a verdade esperam ansiosos uma notícia do médico.

Eis que uma porta grande se abre e de lá sai um sereno doutor e diz:
- A criança é filha do...

Pasmem! Para um inesperado ah! da platéia o pai bêbado, que deu, em uma singela noite de fim de ano, vida a cria disputada. E assim se encerra a briga! Doce ilusão dos inocentes massificados que acompanham a dias a novela se desenrolar e que esperava um final mais feliz com o pai dotô.

Trocando em miúdos, o Palmeiras para a surpresa (!) de muitos, enfim, finalizou a contratação do famigerado (favor, lembrar aqui do livro Primeiras Estórias de Guimarães Rosa) Diego Souza.


"Diego Souza acerta com o Palmeiras

Por Fábio Finelli - Assessoria de Imprensa SEP

O Palmeiras acertou na noite desta sexta-feira (11) a contratação do meio-campista Diego Souza, que chega em definitivo até dezembro de 2011."


Mas não é que de repente o garoto está passando de um promissor atleta a um filho de um bêbado. É como se ele descesse do status de Advogado (como todo advogado sempre está na navalha entre o certo e o errado) a mais um marginal desse Brasil. Que diga o André Kfouri no lance do dia 12/01/08*.

Pois bem, o garoto está parido e só (?) nos resta vê que frutos esse garoto, antes amado agora marginalizado, nos dará.

Ps.: Se algum torcedor do outro lado do muro estiver lendo esse texto, pare de imaginar agora o fruto. Eu apenas usei uma metáfora! Seu desaforado!



*clique aqui e faça o cadastro para ter acesso gratuito ao conteúdo do jornal Lance! na internet.

Campanha: Muricy no lugar da Marinete


Painel FC - Folha 09/01/2008


"Contratar o Luxemburgo é alugar apartamento mobiliado. Mas, se já tenho casa e mobília, só preciso da faxineira"


De MARCO AURÉLIO CUNHA, cartola são-paulino, sobre exigências e comitiva que o treinador palmeirense leva a seus clubes.



Aqueles que acompanha a série "A Diarista" da Rede Globo poderá logo logo passar a acompanhar outra (é de propósito, só para irritar!) personagem na série. Segundo, o aparador de cutículas são-paulinas, M. A. C. ao Painel FC* (entenda, leitor como Mumu FC) o Palmeiras ao contratar o MELHOR TÉCNICO DO BRASIL estaria alugando uma casa com mobília, quando se refere a comissão itinerante que acompanha o Luxa. Eu também sou favorável a uma comissão fixa, mas isso não vem da noite pro dia, né M. A. C. !?. Tanto que hoje temos, e ninguém tasca, o MELHOR PREPARADOR DE GOLEIROS DO, deixa eu ver.... MUNDO!

Espero que vocês aí do outro lado do muro (universo paralelo) se contentem com... aquele cara lá, o das pilhas, ô meu Deus qual o nome dele, o que ESTAVA ARRUMANDO O CABELO na hora das pilhas (meu Deus essa desculpa nem quando eu era ingênuo falava). Pois, roubar goleiros das nossas categorias de base terá que falar antes com o Raul do Mondo Palmeiras, e olha que ele é grande viu!**

Com sua afirmação supõe-se que o Time do Jardim Leonor já possua uma casa mobiliada, passando assim o papel de faxineira ao MURICY. Será que acontece comumente no São Paulo o que acontece nos lares desse Brasil a fora? Patrão comer a empregada?

Se cuida Marinete!


*Retirado da comunidade do Palmeiras. Agradecimento especial.
**entenda-se gordo!

Palmeiras, o novo rico?


Seria comum você, torcedor carcamano palmeirense, se deparar com essa chamada num jornal qualquer. São nesses Lance(s)! que a imprensinha tenta atrapalhar as negociações do Palmeiras. Todos os dias aparecem diversas notícias como por exemplo: “Palmeiras soma 90 milhões para contratações” e com o subtítulo:“Contando com patrocinadores, investidores, etc.” que tendem a atrapalhar as negociações do Verdão.

Mas supondo que você seja um garotinho juvenil, criado a leite com pêra e ovo maltino na geladeira, e pergunte: “Mas ó! Como essas notícias alarmantes atrapalham o Palmeiras?!”. Então, não se preocupe, o professor responde:

“– Não é fácil. Existem negociações em andamento, mas quando ficam sabendo do interesse do Palmeiras o preço sobe – comentou Luxa, em entrevista à rádio “Jovem Pan”.

Lembram do fundo de investimentos que pretende nos reforçar e tudo fica mais caro – completou.”

Agora essas palavras: “ficam sabendo” e “Lembram” são reforçadas, ou melhor, metralhadas pela imprensinha a todo o momento e o que acontece?! Bom, acho que o Luxa já disse tudo.

Creio que imprensinha esteja louca por notícias (ou por falta delas) do Palmeiras, já que a diretoria está tentando ser sigilosa, que não cansa de usar a velha tática do mercado da oferta e procura. Quando não fazem isso disparam vários nomes esperando que um deles seja o que o Palmeiras estiver negociando. E se caso eles acertarem? Bom, quer exemplo maior que o recém contratado Élder Granja? Vai me dizer que você, torcedor carcamano palmeirense (hum... acho que já li isso em algum lugar), em cansativas buscas por notícias sobre contratações não avistou esta daqui?

“Élder Granja pede alto e Fierro volta à pauta no Verdão” http://www.canalpalmeiras.com.br/?a=noticias&b=ver&id=15683

Agora veja a fonte... Gambazeta

AHÁÁÁÁÁÁ! Que surpresa, não?! Bom... na verdade NÃO.

E, para finalizar, vejamos os nomes que foram “disparados” por ela: Gonzalo Fierro, Leonardo, Fred, Rafael Sóbis, Diego Souza, Liédson, Diogo, Keirrison, Pedro Ken, Denílson, Villanueva, Alan Kardec, Thiago Neves, Maldonado, Rodrigo Souto, Fabinho, Enílton...

Aff, será que eu esqueci de algum, são tantos...

3 grandes de São Paulo

Não, não... não se trata de nenhuma loucura minha.

Para àqueles mais desavisados posso perguntar quem foi o 2º colocado do último nacional que eu ouço com freqüência Flamengo. Já o campeão...

Mas relaxem, ainda não acabaram as perguntas e também não será dessa vez que falarei quem foi.

Alguém me diz de que equipe de São Paulo o Grêmio ganhou a disputa na semifinal da Libertadores 2007 (isso mesmo, o último passo à grande final do maior torneio continental das Américas e o 2º maior do mundo), consagrando o time gaúcho a final do grande baile do Riquelme.

Alguém me diz quem foi o maior campeão de 2007*.

Se a sua resposta para as perguntas acima for dada com um time de São Paulo, que começa com "s", tem branco no seu uniforme e tem um animal** como mascote e não for o Santos você está redondamente enganado.

Pois é cara pálida, o Santos foi campeão (igual a tantos no Brasil), foi vice do Brasileirão (pois é, vice!), e perdeu pro Grêmio na semi da Libertadores. Mas por que diabos você lembrou do time do Jardim Leonor?

Parece aqueles e-mails com mensagens subliminares, né!? Parabéns, você é mais um fiel cliente da imprensinha.

Mas, mas, mas... o São Paulo ganhou aaaaaaa...

Ganhou só o Brasileirão, foi 3º ou 4º do Paulistão (já que caiu na semi pro poderoso São Caetano) e caiu (está preparado?) nas oitavas da Libertadores da América pelo Grêmio.

Mas por que você esqueceu de um time Grande e lembrou de outro quando fiz as perguntas acima? Por que lembra de primeira do time do Jardim Leonor? Já que o Santos fez uma campanha melhor.

Por que você lembra de Souza, Leandro, Breno, Miranda, Alex Dias, André Dias, (menos famosos ao longo do campeonato, aliás duvido que 60% da torcida bambi lembre desse caras) e não do, daquele lá, do... do.. daquele lá do Santos, o...

Pois é, assim que as coisas funcionam.

Como assim?

Parece haver um hiato entre quem a imprensa quer falar, dos demais que não interessam. Mas se você dizer que o Santos não é time um da capital e que é normal não falaram dele. Eu te pergunto o que você lembra do Santos de 2002 a 2004, ou como dizem por aí o Santos de Robinho e Diego. Você vai lembrar até do Alberto que fez um gol de bicicleta nos gambás.

E em 2008? Existirá um time que será mais comentado (por causa da boa campanha) ou um que se "esconderá" dos olhos da mídia.

Pelo fim do ano que passou e o começo desse as coisas não mudaram. Aliás mudou só o Santos. O time que entrou em seu lugar é fácil, muito fácil tem um apelido que começa com "Por" e termina com "co".



*por favor, leve em conta os títulos, vice, terceiros etc.
** provocação pura!

Ps.: fontes das minhas loucuras Conmebol e Federação Paulista

Inteligência unida se cuida unida

Àqueles que se negam ver no orkut uma ferramenta de extrema importância recomendo ler abaixo uma reportagem do site Tutto Mercato Web e que foi postado na Comunidade do Palmeiras pelo membro Litiberto. Se trata de algo que muitos, pra não dizer a maioria dos meios de (in)comunicação*, negam a acreditar: a Sociedada Esportiva Palmeiras, sediada na Rua Turiass(ç)u, 1840, Água Branca, São Paulo - SP tem o maior patrocínio dentre os clubes que regem na Confederação Brasileira de Futebol.

Mas, mas, mas e o SPFC, não é o maior!? Bem, sobre esse time só posso dizer algo: está mais para AA (Alcoólicos Anônimos) de jogadores.

Mas, mas, mas e o SCCP!? Me limito a falar de clubes da primeira divisão do futebol nacional, mas abro uma exceção. Está com o patrocínio certo afinal eles estão na UTI mesmo (aff! é pra começar o ano bem!)

Segue a dita cuja:

Palmeiras, Fiat nuovo sponsor

21.12.2007 - 20:45

La Fiat sponsorizzerà la squadra più italiana del Brasile, il Palmeiras di San Paolo, con una cifra record per il Brasile: 8 milioni e mezzo di euro. Il logo Fiat sulla maglietta verde del "Palestra Italia", come si chiamava la squadra prima della seconda guerra mondiale, è stato inaugurato ieri sera da Adriane Galisteu, la ex fidanzata di Ayrton Senna.
Il responsabile della Fiat Auto per l'America Latina, Cledorvino Belini, ha presenziato alla festa annunciando che nel 2008 si giocherà a San Paolo un'amichevole tra il Palmeiras e la Juventus. Il Palmeiras, la squadra dei sei milioni di oriundi italiani di San Paolo, ha già mostrato sulla maglietta il marchio della Pirelli, e prima della Parmalat. Belini, che ha anticipato che vi sarà stretta collaborazione tra il Palmeiras e la Juve riguardo al lavoro dei giovanissimi, ha detto che il marchio della Fiat (prima casa automobilistica da sei anni sul mercato brasiliano) si alternerà sulla maglietta a quello dell'Iveco e della New Holland, altre imprese del gruppo Fiat. Il presidente del club, Alfonso Della Monica, ha presentato ai tifosi il nuovo allenatore del Palmeiras, Vanderley Luxemburgo, già del Santos e del Real Madrid, primo tassello della rinascita del club paulista verso i traguardi della Coppa Libertadores.

Leia [+]

Está dado o recado para o Jucas, Langes, Bineres (plural de palavras terminada em "r", "z" e "n" acrescenta-se "es"). Se não souberem ler em italiano, tem um serviço de tradutor de textos no Google, mas não deixarei o link por preguiça e antipatia a vocês.


*incomunicação: in.co.mu.ni.ca.ção. sf (in+comunicação) Falta de comunicação.